Sônia Madruga

Sônia Madruga

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Quanto cobrar?

Outro assunto que permeia conversas entre profissionais da área é o preço a se cobrar quanto ao nosso trabalho. Principalmente no início da carreira.


Qual o valor da nossa criação? 
Ela é boa o suficiente para determinado preço? 
Se for por hora de trabalho? 


Meu primeiro trabalho como figurinista no teatro foi DE GRAÇA. Não recebi um tostão se quer e ainda tirei do meu bolso. Lógico que foi um investimento dado que logo depois vieram outros trabalhos e todos remunerados. E aí veio a dúvida: QUANTO COBRAR?


Acredito que quando o tempo vai passando, vamos ganhando experiência e visibilidade... e aí sim podemos começar a cobrar um pouco mais. Mas o que cobrar? 


Uma vez numa Oficina de Figurino Teatral, com Ronald Teixeira, ele passou uma lista do que deve estar incluído no preço de um profissional de figurino:


1. Material de pesquisa (horas na Internet, compra de livros, revistas)
2. Material para desenho (Canson, lápis, nanquim, papéis para colagens, tinta, lápis de cor, etc)
3. Transporte/Gasolina (para pesquisa, orçamentos, ensaios)
4. Costureira/Alfaiate/Chapeleiro/Sapateiro/Aderecista/Assistente
5. E finalmente, em cima do valor de cada um dos itens, acrescentar 40% e aí é o seu cachê!


E usando desta jogada, me deparei diversas vezes com "muito caro, não temos dinheiro" - claro, teatro quase nunca tem dinheiro; e também com "o valor estimado para figurino (cachê, costureira, assistente, material, tecidos, etc) é X" e aí você tem que se virar como pode. 


E vale à pena?

7 comentários:

  1. coisa demais para minha cabeca, admiro nao somente a criatividade como tambem a versatilidade de cada figurinista

    se eu uso papermate nao tenho como usar uma bic neeeemmmmm pra encaixar no orcamento!

    ResponderExcluir
  2. É isso aí, no ínício é complicado, tb paassei por tudo isso, ralação de produção de vídeo totalmente free, quando ganhava era 50,00 reais. Mas isso no futuro vc colhe. Enquanto você não tem material sufuciente e precisa ir comprando, adquirindo primeiramente o básico, fica caro o orçamento mesmo, mas no futuro vc vai poder ir ganhando, rsrs Lú muito complicado estes calculos, rsrsr Só o tempo mesmo e a experiência que o povo dá valor!! é foda né?

    ResponderExcluir
  3. Acho que qualquer trabalho tem um valor e deveria sim ser cobrando, mesmo quando feito por iniciantes. Acho que é uma cultura depreciativa a do "você está começando", "tô aprendendo", "vai ganhar experiência", etc. e só alimenta a não remuneração de profissionais, principalmente os da classe artística. Cobre-se menos, cobre-se mais, trabalho é trabalho e dá trabalho.

    ResponderExcluir
  4. Olá Luiza pesquisando no Google cheguei até você, provavelmente esta atração e cor invisível da moda entre os traços do croquis aquarelado que ilustra seu texto.
    Por vinte anos fui designer de moda, um tempo incrível, antes das universidades de formação profissional na área... Quando abri a primeira loja aqui no Rio não tinha nem shopping center - tempo jurássico esse! Quando abriu o Rio Sul, o pioneiro, o que se dizia é que "era coisa de paulista", que carioca não ia abraçar esta idéia. Meu sexto sentido se iluminou de luz verde e foi uma aposta certeira. No sábado passado fui ao cinema, shopping lotado, pensei com meus botões... os anos contam histórias que os dias desconhecem. Que também pode ser dito ao contrário: os dias contam histórias que os anos desconhecem.
    Hà que se ter um desejo sagrado no coração... aprimorar, construir conhecimento... muita determinação ... e então o caminho surgirá à medida que se caminha.
    Boa sorte, querida. Fico feliz em encontrar a minha arte misturada a fios que tecem seus sonhos.
    Vamos conversar hora dessas - também moro no Rio!
    Grande abraço,
    Sonia Madruga
    http://www.soniamadruga.com

    ResponderExcluir
  5. Nossa, Sonia, desculpa-me pelo abandono do meu lar... e você ficou sem resposta! Será um prazer em conhecer-te melhor. Entrei no seu site. Seu trabalho é incrível! Admiro muito quem trabalha com aquarela com tamanha maestria. Acho divino! Parabéns!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Luiza.. Estou começando a trabalhar com figurino agora. Esse meu primeiro trabalho é com uma Cia de Teatro e receberei uma ajuda de custo. rs Quanto cobrar? Quanto você cobra?

    ResponderExcluir